Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘SPFW’

Resumão SPFW: Day 4, 5 e 6

Gente,

sei que é impossível perdoar o imperdoável, mas motivos MTO, MTO maiores do que moi me impediram que postar os looks da última metade do SPFW 2010 – Outono/ Inverno.

Mas, não ficar tão feio, caprichei nas fotos em um resumão do que melhor rolou na quarta, quinta e sexta-feira da semana passada!

Glória Coelho

Precisa dizer alguma coisa desse desfile baphônico? A Glória, sem dúvida, é uma das melhores estilistas brasileiras e isso não é novidade para ninguém. Mas, as última coleção e essa, desfilada nessa edição Fashion Week, podem ser consideradas obras-primas. A inspiração no Universo, planetas e astros em geral só transformou o que era já era bom em ótimo, maravilhoso… Na minha opinião, sublime!

Huis Clos

Apesar do make do desfile não me agradar e deixar as modelos com cara de doença, Clô Orozco e cia fizeram mais um desfile bonito. Não tão impactante, é verdade, mas sempre elegante. Aliás, o desfile foi marcado pela elegância simples, por assim dizer, com uma espécie de lã desfiada, que dava um efeito de pele muito bonito, vestidos lisos, mas com corte impecável, e uma aplicação de paetês muito original (foto centro).

 

Animale

Apesar de ser uma das minhas marcas favoritas, o desfile não me emocionou muito, a não ser por esses dois vestidos ai embaixo (eles estarem na Raquel Zimmermann e na Ana Claudia Michels é apenas uma feliz coincidência, ok? kkkkkk).

Neon

Elsa Schiaparelli? Não, era a Neon mesmo. Mas bem que esse vestidinho de coruja e o outro de tucano deixariam a italiana orgulhosa. Sem dúvida, ela ainda continua a influenciar o mundinho (vide Samuel Cirnasnsk e seus móveis). Mas, apesar da boa influência, dessa vez, a Neon não trouxe lá muitas novidades. Os cortes não foram os mais originais e o colorido foi sempre aquele a que já estamos acostumados.

Carlota Joakina

Se eu tecer elogios novamente ao trabalho da Glória Coelho vai ficar chato, né? kkkkkkkkkkkkkkkkk!

Jaqueta com ilhoses (djá pro meu guarda-roupa!) e vestidos que ensaiavam a mesma sofisticação do desfile da Glória, só que um pouco mais joviais. Maravilhoso também!

 

Alexandre Herchcovitch Masculino

Muito mais do que as roupas, o que mais chamou a atenção, sem dúvida, foi essa maquiagem maravilhosa de caveira. Gente, uma pintura, uma coisa sensacional mesmo. Olha só esse time de “caveirinhas”! Muito mais que desfile, uma verdadeira performance!!!

 

André Lima

Apesar da coleção passada do André ter sido muito supeior a essa de Inverno, na minha opinião, isso não quer dizer que essa também não tenha sido muito bonita. Vestidos curtíssimos e coloridos deram mais leveza ao inverno. Mas, coloquei a fotinho porque, na hora que vi, já imaginei Lady Gaga usando! kkkkkkkkk! Não é a cara dela, meu povo?

Gente, agora é esperar junho (ou julho?) para mais uma maratona de roupas fantásticas, outras nem tanto, celebridades de primeira e de décima quinta grandeza dando pinta pelos corredores da Bienal!

Anúncios

Read Full Post »

SPFW: Day 3

A última terça-feira foi “iluminada”… Sim, tivemos Jesus Luz na passarela, mas, na verdade, quem brilhou mesmo foi Ronaldo Fraga e Simone Nunes.

Vamos conferir os looks:

Iódice

A coleção inspirada na Amazônia, pelo que vi, trouxe pouca coisa da floresta tropical. Muitas calças justas de couro (ou de material muito parecido com ele) e outras peças de couro com recortes, que me lembraram as tatuagens de alguns povos indígenas. Também apareceram vestidos lisos e bem elegantes, com cara de mulher poderosa. Mas, no geral, o máximo que vi de Amazônia for real foi esse look aqui:

Araras do Iódice

 

Saia linda, combinando brilhos e plumas

 

Ronaldo Fraga

Desfile performático e  cheio de emoção. Ronaldo Fraga, assim como fez com o desfile com modelos da 3ª idade, dessa vez homenageou a bailarina e coreógrafa Pina Baush, que faleceu no ano passado. Oxfords lindíssimos e peças com um tecido brilhante dourado muito bonitas. De fato, Ronaldo brilhou mais uma vez.

Simone Nunes

Inverno lindíssimo o de Simone Nunes. Nada de preto, só cores em tons pastel, de uma suavidade e delicadeza impressionantes, sem precisar cair no look romântico “babadento”. A inspiração nos figurinos de patinação do gelo deu à coleção a leveza dessas atletas que encarar o frio do gelo com muita classe. Sem dúvida, um dos que mais gostei até agora.

O que é essa luva, minha gente? Morri!

E esse casaco? Pro meu guarda-roupas djá!

Ellus

Djisúis Luz pode ter sido a sensação do dia nos corredores (afinal, ele pega Madge, coisa que, sem dúvida, dá moral, né?), mas não causou nem cócegas. Gente, ele desfilando é muito sem sal, e com essa coleção da Ellus, então, mais sem sal ainda. Tudo era preto, preto com vermelho, preto com amarelo, preto com azul, preto com vermelho e azul e por ai vai. Só deu cartela básica de cores, o que deixou tudo muito monótono e, com Jesus, me deu vontade de bocejar.

Olha ele ai, gente!

 

 Fábia Bercsek

Tachas e correntes! Alguns looks apresentados pela Fábia Bercsek devem ter feito a dona do Agora que sou rica, a Janaína, ir a loucura! Muito legal, especialmente por ter fugido do esteriótipo de “metaleira” que a coisa toda dá… O resto não me tocou muito.

Read Full Post »

SPFW: Day 2

O segundo dia de SPFW não poderia ter tido balanço mais positivo… Mostram suas apostas para o Inverno 2010 as marcas Maria Bonita, Reinaldo Lourenço, Maria Garcia, Alexandre Herchcovitch, Cori, Forum Tufi Duek e Samuel Cirnansk.

Gostei de todos eles, só torci um pouco o nariz para o do Samuel… Acho que não sou tão vanguardista assim! hahahaha! Mas, no geral, a segunda-feira começou, e muito bem, a semana.

Olha só o que eu achei que valia comentar, ó:

Reinaldo Lourenço

Vestidos que pareciam ter saído do armário da tatatatataraneta de Maria Antonieta, com mistura de drapeados e rendas… Brinks! Faltou um tantico assim para gostar deles… O verde-limão até que passou, mas os drapeados do lado deixariam o culote de qualquer uma do tamanho da Lua! Mesmo assim, o couro foi usado de maneiras criativas, o que comprou que a tendência continua firme e forte. Outro item que me chamou muito a atenção é aquela espécie de luva feita de pele, na qual você apenas encaixa as mãos (esqueci o nome! Rs). Semprei achei isso tão fino, bonito e elegante, e acho que é uma das primeiras, senão a primeira vez que vejo nas passarelas brasileiras.

 

Forum Tufi Duek

Com Lara Stone, top holandesa com a cara da Brigitte Bardot (vulgo “nascida com o popô virado para a lua”, aqui entre nós), não tinha como esse desfile passar despercebido. Não só pela top, claro, mais pelos belos vestidos acinturados e simples, e cartela de cores sóbria, com cores sólidas.

Oi gente, eu sou a Lara-Mara(vilhosa)!!!

 

Alexandre Herchcovitch

Uma das melhores até agora, a coleção feminina do Alexandre trouxe referências do leste europeu com atualidade para a passarela. Destaque para as lindas peças com detalhes em pedrarias by Swarovski e arabescos enfeitando barras de saias e vestidos. O adereço de cabeça como aqueles que os beduínos usam é maravilhoso e compôs com maestria os looks.

 

Cori

Confesso que sou super fã da Cori! Nunca me decepciono com as coleções da marca. Mais uma vez amei tudo, em especial o casaco em tons frios (azul, roxo, lilás). Também foi legal ver algumas das idéias bacanas sobre modelagem e estrutura apresentadas no desfile da Osklen colocadas na passarela da Cori de uma maneira mais “usável” no dia-a-dia, com a gola-poder dando pinta novamente!

 

 

Samuel Cirnansk

Ainda estou em dúvida sobre esse desfile. Tem coisa que gosto, tem coisa que não gosto. Talvez a referência muito literal aos móveis tenha deixado algumas peças óbvias, com cara de figurino. Mas, uma coisa é certa: assim como vimos em Reinaldo Lourenço e na Rosa Chá, as rendas estão com tudo. E, nos vestidos em que a renda apareceu, Cirnanski acertou em cheio, com muita classe e sofisticação. Até me imaginei num baile glamouroso com esse vestidinho champagne e preto!

Olha a poltrona do papai dando pinta na passarela! hahahahaha

 

Read Full Post »

SPFW: Day I

Gentem…

Aqui vamos nós com os comentários sobre os desfiles de mais uma edição da São Paulo Fashion Week (on the rocks). Ontem, dia 17, rolaram os primeiros desfiles. No line-up, Cavalera, Osklen, Priscila Darolt, FH, Mario Queiroz, Rosa Chá e Colcci.

É claro que não vou fazer a análise sociológico-política de cada um dos desfiles. Por isso, vou hablar apenas nos que cativaram mi corazòn, ok?

Vamos lá:

Cavalera

Abriu o dia com estilo, mandando muito bem ao voltar às origens e retratar o rock no lugar mais propício para isso em São Paulo, a Galeria do Rock, no centro de São Paulo. Sem dúvida, os looks masculinos se destacaram, com composições bem pensadas, balanciando elementos do rock e suas variações (punk, p.e.), com itens de alfaiataria, como coletes, ternos e paletós.

 

Osklen

Com pegada futurista-naturalista, Oskarzito acertou mais uma vez (a meu ver, claro). Tricôs pesados, mas com cor, dando uma quebrada no ar de “casulo de viúva negra”. Meu preferidos foram os vestidos femininos, com tramas bem fechadas e modelagem estruturada. Atenção especial para essa gola da última foto, que dá um ar de poder com simplicidade. Mas, apesar de lindos, são pouco práticos e, pelo visto, não devem estar nas araras (o que para mim não faz lá grande diferença, afinal de contas, comprar na Osklen só uma vez por ano! hahahahahaha).

 

Mario Queiroz

Só uma palavra para essa coleção: divertida!!! Mario misturou Inglaterra com Lego e Xadrez e saiu essa explosão de cores. Os looks não seriam perfeitos para usar com as cores da Balenciaga???

 

Olha como combina horrores com as bolsas e acessórios da Balenciaga...

Colcci

Só faltou Bob Dylan cantando “Blowing in the Wind”. O folk dominou e, para a moda mais comercial da Colcci, acho que funcionou. O que também funcionou – e muito – foi essa belezura de Cauã Reymond. Izabel Goulart e Alessandra Ambrósio completaram o dream team da marca.

Logo mais tem o resuminho do Day 2 do SPFW!!!

Read Full Post »

Aquecendo

E se o post anterior foi sobre o que já foi, esse é sobre o que virá.

Calma, não virei a mãe Dinah!!! Acabei de receber croquis que vão poder ser conferidos ao vivo e a cores nas passarelas do SPFW, na semana que vem. Se bem que, se você ler o post anterior, já vai ver coisas que aparecem aqui nessa prévia da temporada paulista: ankle boots e meia-pata.   

Na terça, dia 19, tem desfile da Simone Nunes. Dá uma espiada no que vem por ai, numa coleção inspirada na ilustradora americana Amy Cutler e nos figurinos de competição de patinação artística no gelo (a-d-o-r-o).

Já Erika Ikezili mostra a coleção de inverno na quarta, dia 20, com peças baseadas nas obras de Mira Schendel, Kumi Yamashita e Fred Eerdekens. Olha só:

Ansiosos depois dessa prévia???

Read Full Post »